Cronicas e reflexões

CONEXÃO SEM LIMITES

http://www.penhacronicasboselli.com/

Publicado por Cronicas/poesias/reflexões em Sexta-feira, 1 de março de 2019

sábado, 18 de abril de 2015

BALLYS COM SORVETE

Chegue em casai me sentindo um bagaço de tão cansada.Apesar de exausta,ainda tinha algumas coisas para fazer na rua antes de tomar um bom banho e cair na cama. Joguei minhas coisas no almofadão do quarto,corri até a padaria para conferir minha aposta no jacaré,passei rapidamente no mercado ao lado para pegar uma janta rápida,e subi disposta a tomar um saudável banho relaxante com espuma de lavanda.

Rezei meu terço da sexta feira, já deitada e pronta para dormir. Mas antes que eu pegasse no sono,minha filha entrou no quarto com uma taça enorme de sorvete com ballys,enfeitada com canudinhos de chocolate.

- Experimenta mãe ! Tá uma delicia !

Pensei comigo,se tomo essa bebida,fico agitada e perco o sono rapidinho.Mas como sou formiguinha de coisas doces,não resisti. Quando dei por mim já estava com a taça nas mãos,suspirando de prazer por sugar aquela delicia dos deuses. Um golinho aqui,outro golinho alí,e no fim a taça já estava pela metade.
Bom…o que aconteceu depois foi bem o inverso de uma pessoa agitada. Comecei a sentir uma moleza no corpo todo,que descia do pescoço até os pes. Ainda bem que estava deitada.

- Caracas…! comentei com minha filha,agora sei como se sente o peru,em véspera de Natal. Então é por isso que dão pinga pro coitado.To inteira mole.

Caímos na risada.
Minha filha saiu do quarto levando o resto da bebida ,e eu fiquei largada na cama que nem maria mole. Não tinha forças pra mais nada.Foi me dando um sono,uma letargia,um entorpecimento,que dormi e nem percebi.
Ooooo…coisa boa. Que rivotrill que nada. Da próxima vez que estiver cansada,estressada e exausta,vou direto para o tal ballys. Posso garantir ( por experiência própria ) que além de gostoso,é bem mais eficiente que qualquer tarja preta.


                                                                                                                        *PenhaBoselli*/2015