Cronicas e reflexões

CONEXÃO SEM LIMITES

http://www.penhacronicasboselli.com/

Publicado por Cronicas/poesias/reflexões em Sexta-feira, 1 de março de 2019

sábado, 21 de fevereiro de 2015

NO BOLICHE DO SHOPPING


A festa da minha netinha estava animada. Toda a família reunida no espaço do boliche,dentro do West Plaza. Quatro pistas foram reservadas para familiares e coleguinhas da Milena. O clima era de euforia ,com muitos gritos de vitorias, se misturando ao barulho das pesadas bolas rolando pelo chão.

Essa festa me custou três dias de ansiedade,elaborando planos e esquemas mirabolantes, que me poupassem de um piripaque de pânico dentro do shopping. Como o compromisso era impossível de ser proscrito,engoli um tarja preta sub lingual e fui acompanhada dos meus filhos. ; não sem antes deixar bem combinado que eu desceria do carro na rua ( em frente o shopping ) para entrar pelo térreo,e evitar aquele estacionamento horroroso e claustrofóbico,que sobe,sobe e vira,vira.
Eu estava ótima,e consegui caminhar pelas lojas com tranquilidade até o bloco C no terceiro andar. O shopping não estava lotado e o clima no boliche ,além de alegre e descontraído,estava delicioso,porque imediatamente alguém colocou uma caneca de choppe geladinho na minha mão.

Me senti como a fênix,renascida da própria cinza. Ressuscitada e  animadinha,me percebi confiante a peitar umas rodadas de bola na pista. E joguei…joguei…joguei. Não acertava nada ,mas me divertia, e estava feliz. As bolas eram pesadas pra caramba,mas eu não estava nem aí.

O tempo passou,foi cantado o parabéns,tudo muito lindo e chegou a hora de ir embora. Saindo do boliche fomos todos para a casa da minha filha ver Milena ( minha neta ) abrir os presentes.
Ainda no shopping,ao subir a escada do estacionamento,senti uma dorzinha nas pernas.Ao entrar no carro,uma repuxada na cintura,ao descer do carro ( já no prédio da minha filha ) uma dor incomoda no ombro,que parecia meio torcido.Era dorzinha pra cá,era dorzinha pra lá. Que saco !

Minha ficha,então,caiu : eu havia entrado no shopping cheia de animo e não poupei esforços nem movimentos para jogar boliche ( totalmente renascida ) e agora estava colhendo as consequencias ( com dor pra tudo quanto era lado do corpo ).

Que alquimia espantosa eu sofri dentro do shopping : entrei Fenix e saí Condor.

                                                                                                           *PenhaBoselli*
                                                                                                 -20150-