Cronicas e reflexões

CONEXÃO SEM LIMITES

http://www.penhacronicasboselli.com/

Publicado por Cronicas/poesias/reflexões em Sexta-feira, 1 de março de 2019

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

PERNILONGOS MUTANTES




Ontem a tardezinha,já quase quase anoitecendo,sentei sózinha e feliz, na varanda para tomar minha cervejinha  ( sem antioxidante e sem cereais não maltados ) . Não vou falar a marca para não fazer propaganda de graça...kkkkk
Bom...ocorre que imediatamente fui assediada pelos peludos sanguessugas de asa que cantam fium...fium...fium...

Preciso de tres mãos : uma para segurar o copo,outra para pegar o amendoim e mais uma sobressalente para segurar aquela mãozinha de plastico que mata mosca.
Muito contrariada com a presença dos minusculos alienigenas,levantei para pegar minha lamparina de citronela e quando voltei o que vejo ? Os famigerados bicudos pousados na borda do meu copo de cerveja, sugando meu precioso suco de cevada. Dois deles jaziam mortos dentro do copo, e tres esperneavam encharcados mas felizes nas gotas que cairam na bandeja.
Ora...então o centro das atenções não era eu ?Não procuravam meu sangue nobre,azul e taquaritinguense ? Que espécie nova e mutante de pernilongo é essa,que troca sangue por cerveja ? Teriam sido criados em recipientes laboratoriais obscuros do bar do Tadao ?
Pasmei !
Hoje já estou com tudo planejado. Vou pra varanda com um copo a mais e uma dose extra de cerveja ( não pro Pai Caboclo ) mas para os pernas longas peludos,bicudos e mutantes.Quem sabe assim eles me deixam em paz !
Só por Deus viu !
                                  Maria da Penha Boselli* / 2017