Cronicas e reflexões

CONEXÃO SEM LIMITES

http://www.penhacronicasboselli.com/

Publicado por Cronicas/poesias/reflexões em Sexta-feira, 1 de março de 2019

segunda-feira, 3 de dezembro de 2018

NOITE FELIZ !



Antigamente minha Vila Clementino não era tão barulhenta.Tenho visto o fluxo de carros aumentar muito rápido, e outros barulhos novos tem pertubado o ambiente, pelo menos aqui na minha rua :carros de reciclagem,motoboys ( antigamente eram raros) novas faculdades,consequentemente alunos e barzinhos aos redores…reformas,predios e mais prédios que estão surgindo dia após dia…acrescenta-se a esses, os barulhos antigos tipo ambulâncias,Samus,bombeiros,polícia etc…
Hoje,domingo,acordei com o barulho de máquina de lixar pedra na reforma da vizinha da frente ( que se arrasta ha semanas) 

Oi? Não se respeita mais o domingo da gente ? Único dia que se pode dormir até mais tarde ?
Minha vida se reveza entre os barulhos de Sampa e os do interior,lá em Taquaritinga para onde vou de vez enquanto. Motos barulhentas, gritaria e bebedeira de madrugada, gemidos de gatos numa sedução interminável na noite escura, rojões…muitos rojões.Nossa! Como esse pessoal do interior gosta de soltar rojões…e cachorros que se comunicam latindo a noite inteira.
Lembro dos barulhos lá no sítio de Itagaçaba,na casa do tio Pompillo,onde ia passar as férias quando criança Eram barulhos que acalmavam e nos preparavam para uma noite bem dormida: galinhas cacarejando,bois fazendo múúú,passarinhos piando, galos cantando a plenos pulmões.
Ao anoitecer as estrelas surgiam no céu bem de mansinho e em absoluto silencio.Os únicos sons que se escutava então, era o estalar do fogo lá no fogão a lenha na cozinha ; e da chama da lamparina de querosene que bailava por qualquer ventinho, formando sombras e silhuetas misteriosas nas paredes dos aposentos da casa.
Então está chegando o tempo de escolher onde passar o Natal.Que Benção ! Tenho mais de um lugar quando tem gente que não tem nenhum.Devo escolher os barulhos que me acompanharão já que é impossível manter distancia de qualquer um deles. Mas ….acredito em milagres. Quem sabe talvez eu ouça apenas o sininho do Papai Noel no telhado e o barulho de presentes sendo cuidadosamente colocados sob minha árvore de Natal.
Fato é que aonde eu for,aqui ou acolá, vai ser uma NOITE FELIZ !

                   Maat* 2018